Whatsapp
Buscar

Citrimax 250mg – 60 cápsulas

Citrimax® inibe a produção e aumenta a queima de gordura, além de inibir o apetite, aumentando a saciedade e consequentemente diminuindo a ingestão calórica. Citrimax® é comprovadamente eficaz na perda de peso.

Benefícios: Gerenciamento de peso, aumenta a saciedade, reduz a ingestão calórica, aumenta a queima de gordura, inibe a produção de gordura, reduz os níveis de colesterol total e LDL, reduz IMC, regula os níveis de leptina.

Modo de Tomar: Tomar 1 cápsula 60 minutos antes das principais refeições, de preferência com o estômago vazio.

R$112,55

Descrição

Citrimax® inibe a produção e aumenta a queima de gordura, além de inibir o apetite, aumentando a saciedade e consequentemente diminuindo a ingestão calórica. Citrimax® é comprovadamente eficaz na perda de peso. Citrimax® é uma forma patenteada de ácido hidroxicitrico (HCA) ligado a cálcio e potássio. As formas comerciais encontradas no mercado de HCA são tipicamente disponíveis associadas apenas ao cálcio e resultam em moléculas relativamente insolúveis e de baixa biodisponibilidade. A configuração única de duplo sal de Citrimax® faz com que o ácido hidroxicitrico (HCA) seja altamente solúvel, biodisponível e eficaz.
Mecanismo de ação HCA é um potente inibidor da enzima ATP citrato-liase, essa enzima é responsável pela quebra do citrato em oxaloacetato + acetilcoenzima A. Ao inibir a enzima ATP citrato-liase, não ocorre essa quebra, e consequentemente, diminui a liberação da acetilcoenzima A, substrato necessário para a produção de ácidos graxos e colesterol. A diminuição da liberação de Acetil-COA gera um aumento do glicogênio hepático, diminuindo dessa forma o apetite e o ganho de peso. O HCA também promove oxidação de ácidos graxos, aumenta a liberação de serotonina e sua disponibilidade no córtex cerebral e diminui a concentração de leptina no soro humano, sendo esta, uma proteína transcrita pelo gene da obesidade e secretada pelos adipócitos. Via diminuição da leptina A leptina atua no sistema nervoso central como fator de sinalização para regular a homeostase do peso corporal e o estado de reserva energética do organismo. A maioria dos indivíduos obesos apresenta níveis elevados de leptina, que não se apresenta funcional devido a uma mutação no gen que a codifica. Outra manifestação pode ser a resistência à ação da mesma, devido a uma mutação no gen que codifica seu receptor. Num caso ou no outro, ocorre aumento do neuropeptídeo Y no hipotálamo (NPY). O NPY atua aumentando o apetite e causa também hipersecreção de insulina e de glicocorticóides, com secreção subseqüente de leptina. Quando a leptina é ineficaz para reduzir a produção de NPY, um círculo vicioso se estabelece, originando um fenótipo marcado pela deposição de gordura ou obesidade, dependendo da ingestão de alimentos. Isto conduziu a sugestões de que a administração do HCA poderia inibir a lipogênese. Via aumento da disponibilidade da serotonina Estudos prévios realizados em córtex cerebral de ratos que utilizaram o HCA demonstraram um aumento da disponibilidade de serotonina, um neurotransmissor que atua na regulação do apetite e do comportamento alimentar. Este aumento é ocasionado pela inibição da recaptação da serotonina, atingindo dois terços do efeito da fluoxetina, após 90 minutos de atuação (Ohia et al., 2001; Ohia et al., 2002). Via aumento do consumo energético O HCA pode elevar o consumo de energia, em parte, aumentando o teor de glicogênio de uma maneira indireta, através de gliconeogênese hepática consequente a uma glicólise extra-hepática. Isso é uma das explicações apresentadas para o fato do HCA promover gliconeogênesis em fígado de roedor, pois sua administração leva a um aumento da taxa de conversão de lactato à glicose no fígado com uma diminuição subseqüente na concentração de lactato do protoplasma. Portanto, pode-se supor que esta suplementação afete o metabolismo em tecido hepático em humanos no lugar do músculo esquelético (Van Loon et al., 2000). Via diminuição da lipogênese O mecanismo de ação pelo qual o HCA promove a diminuição da lipogênese está relacionado com a inibição da clivagem do citrato, pela enzima ATP citrato liase. Ao inibir a clivagem o HCA impede a liberação de acetil coenzima A, substrato necessário para a síntese dos ácidos graxos, gerando um aumento do glicogênio hepático, diminuindo assim o apetite e o ganho de peso. Outra via metabólica de atuação do HCA está relacionada à redução da síntese hepática de colesterol e ácidos graxos que induz a redução da concentração plasmática de insulina, diminuindo a utilização de glicose pelos tecidos. O HCA não atua nas vias metabólicas da albumina e ácido úrico. Embora interfira com a concentração plasmática de insulina o HCA tem sido utilizada como suplemento em dieta de diabéticos, pois inibe a amilase pancreática, portanto, tem sido amplamente empregada não só como um inibidor de apetite, mas para diminuir a absorção e síntese dos triacilgliceróis e índices de glicemia.

Composição: Citrimax 250mg em 60 cápsulas gelatinosas.

Modo de Tomar: Tomar 1 cápsula 60 minutos antes das principais refeições, de preferência com o estômago vazio.

Informação adicional

Peso 0,05 kg
  • 1. IMAGENS MERAMENTE ILUSTRATIVAS.
  • 2. Nunca compre medicamentos sem orientação de um profissional habilitado.
  • 3. Pessoas com hipersensibilidade à substância não devem ingerir o produto.
  • 4. Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda-se descontinuar o uso e consultar o médico.
  • 5. Não use o medicamento com o prazo de validade vencido.
  • 6. Manter em temperatura ambiente (15 a 30ºC). Proteger da luz, do calor e da umidade. Nestas condições, o medicamento se manterá próprio para o consumo, respeitando o prazo de validade indicado na embalagem.
  • 7. Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.
  • 8. Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica.
  • 9. Este medicamento não deve ser utilizado durante o período de amamentação sem orientação médica.
  • 10. Este medicamento não deve ser utilizado por menores de 18 anos sem orientação médica.
  • 11. Este medicamento não deve ser partido ou mastigado.
  • 12. Siga corretamente o modo de usar. Não desaparecendo os sintomas, procure orientação médica.
  • 13. SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO.
  • 14. "Venda mediante prescrição do profissional habilitado"
  • 15. "Não se trata de propaganda e sim descrição do produto, consulte sempre um especialista"

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Citrimax 250mg – 60 cápsulas”

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses User Verification plugin to reduce spam. See how your comment data is processed.